SPFW APARTAMENTO 03

Essa semana está rolando a SPFW (embora seja um samba doido entender, os desfiles são sempre sobre estações à frente e, por essência, focados aos buyers das grifes-clientes e, atualmente, a todos os produtores de conteúdos e influenciadores que distribuem a informação e incentivam a comercialização).

Em consequência à disseminação da informação, boa parte das marcas nacionais assistem aos desfiles, entendem as inspirações e começam a produzir e comercializar as tais referências agora mesmo, adaptando-as no melhor dos casos (no pior, copiando na cara dura e nominando de ‘inspired’).

No caso desta edição, falamos do outono-inverno/ 2019.

A questão é que, no meio desse auê de ódios eleitorais, final de ano batendo à porta e o clima nível -1 para sair gastando com coisas que não me dizem absolutamente nada, passei meio que desanimada pelo line up da temporada.

Hoje, pensei “vai, Cris, entra no FFW que sempre rola notícia boa… e tem a Camila [Yahn] que nunca, nunquinha, dá uma bola fora.

Bom, entrei e quando bati o olho nas fotos de destaque do desfile do Luiz Cláudio (Apartamento 03 que rolou ontem, 25/10) fiquei hipnotizada,meus olhos brilharam como há tempos não brilhavam ao ver fotos dos desfiles e minha única ação foi abrir a galeria para enxergar tudo, nos mínimos detalhes.

O Luiz fez, como o texto lindo da Cami explicou, uma espécie de ‘atendendo a pedidos’ de clientes que, na última coleção, pediram mais cores a ele.

A cartela de cores que a AP03 tende a ressaltar, traz tons mais fechados, tipo preto e os sóbrios e dessa vez, veio diferente.

O resultado? Uma profusão de shapes lindos, diferentes de tudo que a gente vê por aí… Texturas em sobreposições lindíssimas, nem tão conceituais e nem tão mais do mesmo urbanóide e que, definitivamente, eu usaria TUDO.

O mais fascinante? A humildade do estilista. Juro, amo o trabalho dele. “Eu não sou a pessoa mais indicada para fazer cor”, ele disse em entrevista à Camila. Dá para não amar, minha Gente? Se o cara acha que não é o mais indicado para fazer cor, tô cá pensando no restante…

Segue o baile:

Trouxe para vocês algumas das informações que mais curti e convido uma clicada no site oficial da FFW para conferir este e todos os outros desfiles.

Como bem disse a Cami no FFW, é lindo “ver um estilista que hoje é um dos mais respeitados da semana de moda transitar fora de seu mundo particular, continuar em seu aprendizado, em sua busca e, eventualmente, como é o caso aqui, se suceder. Eu acredito que Luiz Cláudio pode fazer o que quiser porque ele não tem como escapar da beleza e da elegância; não dessa elegância pejorativa, mas do gesto, do ser. Corre no seu sangue”. (Camila Yahn)

Tendências 2019 no desfile da AP 03 de Luiz Cláudio

Separei 3 dos looks que mais amei para vocês verem o conceito do desfile. Teve textura, sobreposição e cores e falo das tendências a seguir:

Conjuntos

Quem aí não tem visto o bafafá em torno das fashionistas gringas usando a bermuda ciclista, aquela de ginástica preta que a gente usa na academia e, quando a memória falha e não leva uma substituta pra voltar pra casa, só tasca a camiseta por cima e se manda? Pois é. Ela virou item IT (não perguntem o que acho disso, por favor).

A questão é que quem tem bom gosto, é capaz de pegar a pior tendência do planeta e fazer com que ela se torne o diamante mais raro e lapidado do mundo. Pois não é que Luiz Cláudio elevou a tal bermudinha torce-nariz a outro nível?

Estamos de volta com conjuntinhos 100% update, chiques, coloridos e lindos. Apenas.

Degradés

Ele até pode ter falado à Yahn sobre a dificuldade com cores, mas o que é inegável é a habilidade dele para lidar com elas. Alguém explica o que é esse degradé absurdamente lindo!


Na carona da foto acima, temos um novo olhar às franjas (a referência Western também está em alta há algumas estações) e Luiz provou que é possível pegar uma referência e transformá-la, tirando-a total do óbvio de suedes e couros.

Bolsas e minibags combinandinhas com a cor do look

Outra tendência que lá fora já está bem estabelecida é a de coordenar a cor dos acessórios com o look. Se antes (décadas antes, quando tia Cris era pititica – ou mais nova, segundo minha sobrinha que alega que eu apenas cresci na idade, já que no tamanho….) enfim, se antes as bolsas eram coordenadas com sapatos, a coisa agora virou para a roupa. Tá aí alguns exemplos bem bacanas.

Brincos ultra longos e acessórios diferentes no desfile da AP 03

Adorei demais os detalhes de beleza e os acessórios que Luiz e equipe escolheram para este desfile.

Minhas impressões: Luiz Cláudio e a equipe da AP 03 conseguiram traduzir de forma super criativa algumas ideias que já circulavam, além de trazer outras propostas, e tudo tão chique, tão lindo que fica realmente difícil a gente esquecer…

Ficha técnica da AP 03

DIREÇÃO CRIATIVA – Luiz Cláudio
STYLING – Daniel Ueda
BELEZA – Daniel Hernandez (reverencio, absolutamente)
DIREÇÃO DE DESFILE – Bill Macintyre
TRILHA SONORA – Max Blum

Referência e créditos de todas fotos https://ffw.uol.com.br/desfiles/sao-paulo/n46/apartamento-03/1712222/

Resenha nova máscara da Quem Disse, Berenice? Alonga e dá volume - Surpreendente
Relacionamento abusivo: você sabe o que é?

Comentários

comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.