A receita de hoje é daquelas tão fáceis, mas tão fáceis que dá tempo até de trocar ideia sobre a vida e o tempo… kkkkk

Foi no improviso, Gente. Sabe esses dias em que você trabalha até tarde e, quando se dá conta, já são onze da noite, seu estômago alucinado de fome e você lembra que não sabe o que tem na geladeira? Pois é.

Encontrei meia bandeja de shimeji, ovos e queijo parmesão fresco e ralado. Foi isso mesmo que usei para preparar a omelete da noite.

Para quem tem experiência com fogão, a receita será super elementar. Mas, para quem é do meu time – que deixa até pão de queijo queimar – a receita vai cair como luva!

Omelete de shimeji super fácil

Preparo para 1 porção:

2 ovos

Shimeji (usei meia bandeja)

1 colher de sobremesa de manteiga

Shoyo a gosto (já falaremos sobre ele)

Queijo parmesão ralado (fresco, não o do saquinho)

Sal a gosto, se achar necessário

Cebolinha picada

Preparo do shimeji

Na frigideira, coloco a manteiga e espero derreter.

Em seguida, despejo o shimeji, mexo um pouco e abafo com a tampa da panela. Deixo uns 2 minutos e rego com o Shoyo. O shimeji solta água e é ela quem ajuda no cozimento. Nesta hora, costumo baixar o fogo para não evaporar o líquido antes do shimeji estar pronto (bem macio).

Este que comprei é industrializado e já tem um molhinho junto (fantástico, por sinal). Mas, normalmente, compro na feira livre aqui da rua e, aí, preciso preparar o tempero sozinha.

Como não foi receita elaborada, faltou uma coisa que considero essencial: a cebolinha picada.

Não salgo até tudo ficar pronto por dois motivos: quase nada meu leva sal e o shoyo já é bem puxado pro salgado. Então, sugiro que você siga a minha dica, tá?

Quando o shimeji estiver bem macio (a quantidade de molho que fica na frigideira é totalmente a gosto), eu coloco num potinho e reservo. Uso a frigideira em que fiz o shimeji e só recomendo um pouco de manteiga, para que a omelete não grude.

Pego os ovos já mexidos (não consumo os dois ovos inteiros, uso sempre as duas claras e uma gema, apenas) e coloco ali. Baixo o fogo e tampo. Assim que as bordas do mexidão dos ovos começam a ficar branquinhas (1 minuto depois), já coloco o queijo para ele entrar na massa.

Quando o meio da omelete começa a cozinhar, coloco o shimeji e volto a tampar.

Aí, é só olhar quando terminar o cozimento e servir!

Verdade verdadeira da vida real: Não untei a frigideira (expliquei no vídeo a lição aprendida) e a omelete que estava linda, quebrou:

O passo a passo está no vídeo, tanto aqui no blog quanto no canal do Youtube! Inscreva-se, ative as notificações e fique por dentro de todas as novidades.

Para ver o vídeo, clique aqui

beijos!

New in! Colar de madeira com pedra Opala
Sua base favorita acabou? Dica de musturinha de bases e sem blush, pó e sombra

Comentários

comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here