Técnica econômica e sem máquina de costura!

ch-site-DIY-quimono-sem-maquina-de-costura

Oi, Gente!!

Estou desde o verão namorando as vitrines e araras com os quimonos (ou kimonos, ambos estão certinhos) mas cada vez que olhava a etiqueta me batia um desânimo… Tudo tão caro para uma incerteza de uso…

Só que, ao contrário das previsões mais óbvias, nosso inverno não veio tão rigoroso e aquele quimono que poderia ter sido amor de verão e descartado em seguida, tornou-se complemento perfeito para dias mais amenos.

Numa ida ao centro de SP para comprar umas placas de EVA, dei de cara com esse cetim estampado na loja de tecidos. Gamei na hora. Entrei como quem não queria nada, perguntei a metragem (ele tem 1.50m de largura) e pimba! Lá vim eu pra casa com meus 2m de tecido mara e um pacote de franja roxa para bolar o meu quimono.

Já tinha visto na internet, algumas colegas que cortaram camiseta de malha pra transformar em quimono, mas, na boa? O acabemento faz muita diferença na roupa e uma camiseta cortada não dá pra compor looks para todo tipo de ambiente.

Preferi fazer um investimento bem amigo (já mostro a conta pra vocês) e usar 2.30h de um dia para fazer um quimono que posso usar em qualquer ambiente.

Detalhe: não tenho mais minha máquina de costura porque doei. Então, meu trabalho levou mais tempo, já que tive que costurar tudo à mão.

Opção para quem não quiser é a cola de tecido mas, como conto no vídeo, ela e eu temos algumas pendências de outras vidas e nossa relação não é lá das melhores. Estou empenhada em melhorar isso. hahahahaha

Às contas: tecido custou R$ 5,98 o metro. Comprei 2metros.

A franja: só vendiam pacote fechado e paguei R$12,10 no pacote com 10 metros.

Não usei os 2m no meu quimono. Usei 90cm de largura e aproveitei a altura porque mais comprido mas isso foi o meu gosto. Recomendo que você coloque o tecido na sua frente e sinta qual a altura da peça que combina com você, ok?

Materiais de aviamento que usei foram tesoura, agulha e linha invisível.

Tanto no vídeo quanto no passo-a-passo abaixo, mostro um molde que fiz (reduzido) do projeto para vocês verem como é simples.

Arrasem no quimono exclusivo de vocês! Quem tiver dúvida, pode me escrever aqui mesmo ou nos comentários do vídeo, AQUI.

passo-a-passo-quimono-sem-maquina-de-costura-cris-cardoso

O passo-a-passo é bem simples. Não existe corte nos ombros. Você vai dobrar o tecido considerando a dobra dele para a altura do seu quimono.

– Faça um corte na vertical em uma parte apenas, que será a da frente.

– Abra o tecido na vertical como mostro na imagem dois com o molde em miniatura. Ali, fiz mais dois cortes bem pequenos: um de 15 cm (considerando o tecido dobrado, deu 7,5cm retos para fazer a abertura do pescoço atrás e, outro, só na parte da frente que já cortamos, em ‘V’ mais fechado até o final dos 15cm. Os dois cortes formarão o decote da nuca e o decote da frente.

Prove para ver se a altura do decote está OK e depois alinhave laterais, deixando o espaço que quiser para as mangas e costure ou cole a franja.

Pronto!

Quimono de tecido, bem acabado e lindo para ser usado em qualquer ocasião.

Agora, só dar o play:

Receita: lasanha da Cris
De olho na vitrine: moda em Barcelona

Comentários

comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here